Tecnologia em Logística

Taxa de ocupação do caminhão: como chegar ao número ideal

Taxa de ocupação do caminhão: como chegar ao número ideal


A taxa de ocupação dos caminhões é um indicador logístico importante que dá pistas de como anda a sua operação. Ele revela como você está fazendo a sua consolidação de cargas e roteirizando suas entregas. Ele também aponta como está o aproveitamento e a rotatividade de seus caminhões. Além disso, ainda é possível verificar se estes estão sendo bem aproveitados.

Por fim, ela é um KPI (Key Performance Indicator - indicador-chave de desempenho) bastante relevante, pois essa taxa de ocupação está diretamente ligada ao valor do seu frete. Quanto mais longe do valor ideal, mais caro sairá o valor do seu frete. E, quando se trata de custos, qualquer economia é bem-vinda, não é mesmo?

Como anda esse seu indicador de desempenho logístico? Vamos debater um pouco sobre qual seria o valor ideal, que deve variar de acordo com cada tipo de operação. Vale a pena citar formas de como controlar esse indicador, para que você alcance um desempenho melhor nesse KPI logístico. E, finalmente, dar algumas boas e velhas dicas para melhorar sua operação de uma forma geral, afinal, sempre dá pra ajudar mais um pouquinho.

Esperamos que após ler esse artigo, você consiga melhorar sua taxa de ocupação de caminhões, e com isso, chegar a um valor de frete legal.


Qual é uma taxa de ocupação ideal?

As variáveis são muitas quando se trata de formar ou distribuir cargas. Isso vai determinar a taxa de ocupação ideal. Entre elas, podemos citar algumas, como: o tipo da mercadoria transportada; a quantidade de carga para cada caminhão; o peso; a cubagem; o valor da carga; a distância total; a freqüência de coleta; a quantidade de clientes atendidos em apenas uma rota; entre muitos outros fatores.

Na grande maioria das vezes, esses fatores são inconstantes, variando de mês a mês. Isso acaba gerando uma inconsistência no cálculo real da taxa de ocupação de caminhões. Essa imprecisão, demandam gastos desnecessários de tempo e, pior, de dinheiro.

Assim, a taxa de ocupação ideal para o embarcador seria aquela que considerasse o limite de todos ou da maioria dos fatores.

Isso significa levar ao nível máximo possível a capacidade de carga de cada caminhão, na menor distância possível, atendendo à maioria dos clientes em uma só rota.


RECOMENDAMOS LER TAMBÉM: O que é Logística Reversa? Como funciona, conceitos e legislação


Como controlar a taxa de ocupação

A taxa de ocupação é um indicador logístico referente à sua forma de roteirizar e formar cargas. Assim, ela apenas reflete os dados da sua operação, permitindo a análise de que algo precisa ser melhorado, quando baixa ou mantido, quando alta.

Se a sua taxa está baixa, é sinal de que a sua operação demanda atenção. Isso pode significar rever seu modo de roteirizar. Seus cálculos são precisos? Você utiliza planilhas ou faz tudo manualmente? Sua distribuição de cargas por caminhão considera seu máximo de ocupação? Sua rota tem a menor distância? Você atende ao máximo de clientes na menor rota? Os horários de recebimento dos seus clientes estão coordenados com a hora de chegada dos seus transportadores? Você está utilizando o menor número de veículos na sua rota? A rotatividade da frota está sendo considerada?

São tantos pontos para observar que é lógico que alguns vão passar batidos. Esses, provavelmente, são os seus pontos críticos. São eles que jogam o número da sua taxa lá para baixo e o valor do frete lá para cima.


LEIA TAMBÉM: O que é Cross Docking? Tudo que você precisa saber

Como consolidar cargas de modo eficiente

Se fazer a roteirização de entregas de forma otimizada e precisa é a solução para melhorar a taxa de ocupação e o valor do frete, então qual seria o modo mais eficiente?

Aumentar a sua eficiência logística é muito fácil quando nos apoiamos na tecnologia. Sim, a revolução 4.0 da logística é real e já está acontecendo.

Com um sistema online, é possível consolidar cargas e montar roteiros de entrega de modo bastante rápido e preciso. Aposte na inteligência artificial para fazer todos os cálculos necessários e chegar à melhor ocupação de seus veículos, com o melhor trajeto, à melhor distância e ao menor custo.


LEIA MAIS: 5 erros comuns que você comete na hora de roteirizar


Automatize a consolidação de cargas

O Fretefy possui a funcionalidade ideal para atender a essa necessidade: o Formador de Cargas. Conte com a tecnologia da nossa plataforma online para fazer a consolidação de entregas ou coletas. Por meio de agendamento, você pode organizar de forma simples seus carregamentos, de acordo com seu cronograma e destino, tudo em uma só tela. Forme cargas e monte rotas de acordo com a agenda dos seus clientes e esteja sempre lá apenas nos horários de funcionamento. Isso evita o risco de entregar fora da hora, ocasionando multas, ou perder um prazo.

Consolide suas cargas automaticamente e planeje as coletas e entregas, levando em consideração restrições, os pontos de parada, a natureza das cargas a serem entregues, os tipos de veículos utilizados e muito mais detalhes importantes que compõem o valor final dos seus fretes.


Assista ao vídeo e conheça mais sobre o Formador de Cargas do Fretefy


A revolução 4.0 na sua gestão de cargas

O Fretefy é o sistema que a sua empresa precisava para gerenciar cargas e todos os dados da sua operação logística de transporte terrestre. Um único painel apresenta o seu tempo médio de entrega, a quantidade de cargas entregues no prazo, a quantidade de cargas entregues fora do prazo, e todos os indicadores logísticos essenciais para monitorar a sua operação. Atualizado automaticamente, o dashboard de KPIs logísticos entrega a você informações precisas e em tempo real.

Tenha toda a rastreabilidade, visibilidade e transparência que só o sistema de gestão de cargas do Fretefy entrega!

Fale com um de nossos consultores e conheça mais sobre a nossa ferramenta de gestão completa de cargas!


ESCRITO POR